Campanha preventiva de assédio moral e sexual é apresentada em escolas de Anápolis

Promotoria está promovendo palestras com cunho preventivo

Por Redação 04/06/2019 - 08:08 hs

Em continuidade à campanha Assédio Moral e Sexual na Escola: Não vai colar, desenvolvida pela 8ª Promotoria de Justiça de Anápolis, foram realizadas, na semana passada, palestras sobre o tema aos alunos dos Colégios Delta, Nexus e Estadual da Polícia Militar de Goiás Gabriel Issa.

Durante as visitas, a promotora Adriana Marques Thiago promoveu um bate-papo com alunos e professores, momento em que foi também apresentado um vídeo que alerta sobre a importância de denunciar eventuais condutas inadequadas. Assista aqui .

A campanha teve início no mês passado, quando foi enviado ofício à direção das unidades escolares com ensino médio no município, recomendando que elas orientem professores e alunos quanto à maneira de agir no ambiente escolar. No documento, a promotora acrescenta que há falta de informação a respeito do assunto e sobre como os profissionais devem proceder. “Os estabelecimentos de ensino têm o dever precípuo, ainda que entidades privadas, de educar cidadãos, e para tanto, zelar pela integral segurança física, moral e intelectual de seus alunos, estando nas dependências e adjacências das escolas; e o dever de manter o corpo docente inteiramente a par desses deveres”.

Assim, foi recomendado que as unidades de ensino orientem o corpo docente e discente relativamente aos alunos, deveres do corpo docente e da direção, a maneira que devem agir em salas de aulas e dependências das escolas, no trato aluno/professor, e suas consequências em caso de descumprimento por parte dos envolvidos, especificamente no que diz respeito à maior intimidade na relação interpessoal, a fim de evitar eventuais práticas com conotação sexual e injuriosas da honra alheia.

As próximas unidades escolares a serem visitadas são os Colégios Galileu, Sesi Jundiaí e CEPMG César Toledo. 


Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO